sábado, 28 de junho de 2008

o segredo

"É por isso que a vida é sagrada: porque não é um acidente solitário. Portanto, de novo, devemos amar e ser reverentes uns com os outros, até o dia em que sejamos todos anjos olhando para trás."
(Jack Kerouac)

Ser repórter, às vezes, é invadir universos alheios para registrar uma história. Isso pode ser deprimente, ainda mais em um cemitério. De cabeça baixa, lapiseira e papel na mão, chego ao velório de Zélia Gattai para fazer o meu trabalho, da forma mais silenciosa possível. Pelo meio da tarde, Paloma Amado nos oferece algumas palavras. Sinto nelas uma reverência enorme por todos ali presentes e disposição em esclarecer detalhes, como se estivéssemos todos juntos construindo algo, graças ao amor dela -

3 comentários:

maria guimarães sampaio disse...

delicadeza de texto...no próximo de 02 Zélia faria 92 anos. Saudade.
----
vim ao notasminimas por conta de sua visita ao continhos. Sem querer trocar confetes... gostei muito do seu

anjobaldio disse...

Muito bonito, apesar de triste.

Renata Belmonte disse...

Aproveitei para ler os últimos posts. E este foi um dos mais bonitos que já li por aqui.
Bjs